Márcio Maximo terá jogos decisivos com a seleção da Guiana nas eliminatórias Concacaf

Brasileiro faz trabalho de renovação da Seleção visando o futuro e os confrontos chave das eliminatórias

por Grande Área

Campinas, SP, 28 (AFI) - A Seleção de Guiana terá pela frente duas partidas importantíssimas que podem valer uma vaga para próxima fase em busca por uma classificação para a Copa do Mundo do Qatar em 2022. Em jogos válidos pelas Eliminatórias da Concacaf, a seleção terá pela frente a Seleção de São Cristóvão e Néri e Porto Rico.

Em busca de grande feito, o técnico brasileiro Márcio Maximo vem realizando um trabalho de renovação na Seleção de Guiana. Nas últimas cinco semana tem trabalhado com 30 atletas, sendo que pelo menos 70% são do programa nacional Sub 20, o objetivo é ter uma equipe com idade baixa, tanto dos atletas que atuam no país, como no Exterior.

"Estamos em uma fase de transição e nunca é fácil, mas nunca perdemos as esperanças porque com o que estamos fazendo aqui, os benefícios serão por muitos anos, não é só agora, manteremos nosso nível competitivo, mas também garantiremos um bom futuro", disse o treinador

Márcio Máximo terá grande desafio com a seleção da Guiana - Foto: Reprodução
Márcio Máximo terá grande desafio com a seleção da Guiana - Foto: Reprodução

JOGOS EM CASA

As duas próximas partidas da Seleção de Guiana, serão realizadas fora de casa. No dia quatro de junho, vai até São Cristóvão e Néri para enfrentar a Seleção local que é líder do Grupo F com 06 pontos, já na última rodada em que jogaria em Guiana diante do Porto Rico, essa partida também será realizada no mesmo local, por causa dos números da pandemia sendo classificada como zona vermelha, a Federação de Futebol de Guiana mudou o local da partida a ser realizada dia oito de junho.

CAMINHO PARA A CLASSIFICAÇÃO

Para conquistar sua classificação para próxima fase nas Eliminatórias da Concacaf, a Seleção de Guiana terá que vencer seus dois próximos adversários. São Cristovão e Néri dia quatro de junho e Porto Rico no dia oito. Para essas duas decisões, o técnico Márcio Maximo fez a convocação de 23 jogadores com vários jovens atletas.

"São duas partidas decisivas para que continuemos na briga por uma classificação, então já viajamos no final de semana e treinaremos cinco dias antes do jogo. Sabemos que teremos um grande adversário pela frente, mas acredito que possamos realizar um grande jogo e logo na sequência não teremos tempo para treinar para enfrentar o Porto Rico. em um jogo também muito difícil, mas acreditando que o trabalho realizado possa nos levar a grandes resultados", concluiu o técnico Marcio Maximo.

COPA OURO

Além das duas partidas válidas pela Eliminatórias Concacaf, diante de São Cristóvão e Néri e Porto Rico, respectivamente, a Seleção de Guiana também terá em julho a Copa Ouro em que havia conquistado sua classificação antecipadamente e vai enfrentar a Seleção de Guatemala, nos Estados Unidos.